• 09/02/11 Outros

    Reuniões de gestantes e casais gravidos!

    O grupo de gestantes são encontros abertos para mulheres e homens que buscam informações, apoio e trocas durante a gestação e preparação para o parto.

    Os encontros são coordenados por doulas e educadoras perinatais e pelo neonatologista Cacá. Os grupos são uma excelente oportunidade de conhecer outras mulheres e casais, trocar e tirar dúvidas a respeito desta fase que se prepara para profunas transformações.

    Quando: Sempre às terças-feiras dàs 20h às 22h.

    Onde: No Espaço Nascente que fica na rua Grajaú, 599 – próximo ao metrô Sumaré. 
    Não é necessário agendar é só nos presentear com a sua presença!

    no responses
  • 03/02/11 Cuidados com Bebê

    Contato pele a pele



    O toque humano é um alimento fundamental para o desenvolvimento físico e emocional do bebê, especialmente se é feito pelos pais sim, o toque masculino é superimportante para o pequeno! Com isso, você adquire mais segurança e habilidade no seu papel de mãe ou pai.

    A primeira massagem que o bebê recebe é quando ainda está dentro da barriga da mamãe. Durante os nove meses de vida intra-uterina, o bebê permanece contido pelas paredes do útero de sua mãe, o que lhe dá uma sensação de segurança, além das contrações que podem ocorrer ao longo da gravidez, principalmente durante o trabalho de parto .

    Não é à toa que o método canguru é considerado um santo remédio para acelerar o desenvolvimento dos prematuros: na falta do aconchego da barriga, o contato próximo com a mãe faz as vezes de santuário e acelera o desenvolvimento da criança.

    Nessa técnica, o bebê é amarrado no colo da mãe, em contato direto com a pele dela, sem a interferência de roupas e tecidos, mais ou menos como os cangurus do mundo animal fazem. Esse tipo de contato se converte num grande toque afetivo, pois a pele é o mais extenso dos órgãos do sentido, de modo que o bebê, nessa posição, encontra-se naturalmente massageado, contido e amado , afirma a psicóloga.

    E o melhor: apesar de muito utilizado em hospitais, o canguru pode ser copiado em casa com os mesmos benefícios para o bebê que cumpriu os nove meses de gestação. Basta providenciar um canguru de tecido, mais conhecido com sling.

    Outra idéia simples é deitar na cama e deixar o bebê deitado sobre o seu peito e barriga. Além do contato, ouvir o coração da mãe um som bem conhecido pelos pequenos é uma ótima maneira de fazê-lo sentir-se seguro e amado.

    no responses
  • 03/02/11 Outros

    Benefícios da Drenagem Linfática em Gestantes

    A gravidez é um momento muito especial para a mulher, ela representa a geração de uma vida, uma semente para o futuro e a continuação da árvore familiar. São meses maravilhosos, que misturam sensações diferentes como a ansiedade pela criança que virá ao mundo a preocupações relacionadas à saúde da mamãe e do bebê. É um período marcado por mudanças físicas e sistemáticas no corpo da mulher.
    Durante a gestação há um aumento na produção hormonal, responsável por várias modificações estruturais e musculares. Alguns dos hormônios essenciais na gravidez são responsáveis pela tendência de reabsorver sódio causando a retenção de líquido na gestante, principalmente nos e pés e nas pernas.
    A drenagem linfática é o tratamento estético mais indicado para a gestante, a partir do terceiro mês de gestação. É uma massagem suave e lenta, que ajuda a reduzir essa retenção de líquido e diminuir os inchaços comuns da gravidez, que aparecem principalmente no primeiro e no último trimestre. O profissional pressiona e desliza a mão por todo o corpo, direcionando o excesso de líquido para os gânglios linfáticos, que trabalham para eliminá-lo pela urina.
    Essa técnica previne e trata as complicações decorrentes da gestação, auxiliando no alívio de problemas circulatórios e musculares, bem como de outros problemas relacionados às mudanças hormonais, tais como enxaqueca, insônia, constipação intestinal e cansaço, além de proporcionar relaxamento à gestante.
    BENEFÍCIOS:
    – estimula a circulação venosa e linfática, reduzindo a retenção de líquido e diminuindo os inchaços típicos da gravidez, além de estimular a lactação e a dessensibilização das mamas, preparando-as para a amamentação;
    – previne e combate às varizes e sensação de pernas cansadas;
    – combate à celulite e às estrias;
    – alivia tensões e reduz dores musculares;
    Além desses benefícios podemos citar também que durante o tratamento as grávidas passam a se conhecer mais e aceitam melhor a nova identidade corporal. Desta forma, a mulher passa a ter aumento do bem-estar emocional, fortalecendo ainda mais o vínculo mãe-bebê.
    Fonte: http://www.webartigos.com/articles/18673/1/Importancia-da-Drenagem-Linfatica-Manual-em-Gestantes/pagina1.html#ixzz0vSfxsTx5
    no responses
  • 17/01/11 Outros

    Beneficios da Shantala


    Shantala possui inúmeros benefícios no desenvolvimento global do bebê, tais como:

    • Melhora o relacionamento mãe-pai-bebê e fortalece o vínculo afetivo;
    • Ativa a circulação sanguínea e linfática;
    • Promove o relaxamento, diminuindo stress;
    • Tranqüiliza e melhora qualidade do sono;
    • Aliviará ou previnirá gases, cólicas ou prisão de ventre;
    • Amplia capacidade respiratória;
    • Aumenta resistência imunológica;
    • Auxilia no crescimento físico;
    • Favorece o ganho de peso;
    • O bebê desenvolve atenção para o próprio corpo;
    • Auxilia no desenvolvimento motor;
    • Minimiza o stress na fase de dentição;
    • Os pais aprendem a conhecer melhor o bebê.
    Shantala também contribui no tratamento de crianças especias, tais como:
    • Auxilia o pleno desenvolvimento de crianças prematuras;
    • Auxilia no tratamento de crianças portadoras de necessidades especiais como Síndrome de Down e Paralisia Cerebral;
    • Contribui no tratamento de crianças autistas e hiperativas. 
    (Denise Gurgel )
      no responses
    • 05/01/11 Outros

      Drenagem Linfática Manual

                              A técnica original foi desenvolvida nos anos de 1920-1930 pelo casal dinamarquês Emil e Estrid Vodder . A partir do trabalho experimental deste casal , outros pesquisadores tais como Földi e Kuhnke (Alemanha), Cashley-Smith (Austrália) e Leduc (Bélgica), desenvolveram a base científica da técnica e criaram-se ‘linhas de trabalho’ dentro da Drenagem Linfática Manual. Desde que Vodder e a sua esposa criaram e introduziram com êxito a Drenagem Linfática Manual no tratamento de afecções crônicas das vias respiratórias superiores, o seu campo de aplicações médicas foi-se ampliando e aprofundando com o passar do tempo. Em alguns casos a DLM, constitui um procedimento principal de tratamento, como é o caso dos Linfoedemas, enquanto noutros casos há que considerá-la simplesmente como uma terapia acompanhante ou de apoio. 

                      Será impensável não pensar nela quando se fala de Pós-Mastectomia ou de qualquer outra intervenção cirúrgica. É uma técnica especifica de massagem manual que exige uma formação adequada. Esta técnica caracteriza-se por uns movimentos muito suaves e precisos, todos em forma circular e espiral e por um trabalho intensivo realizado nos centros de gânglios linfáticos. Procurando aliviar os sintomas, primeiro trata o sistema linfático superior, ou seja, a zona do coração, as zonas dos gânglios linfáticos do pescoço, da garganta, e dos ombros, evoluindo depois, de forma progressiva, para as zonas afectadas, mais afastadas do coração. Estimula a circulação linfática nos vasos linfáticos ao acelerar a absorção de líquidos e das macro-moléculas do tecido intersticial, pela activação da capacidade peristáltica destes vasos. 
                     Por isso, a Drenagem Linfática Manual faz absorver inúmeras formas de edemas. Não só absorve formas de edemas aparentes, como também o faz a formas menos visíveis, como por exemplo os Edemas Pós-Operatórios dos membros, o edema do braço depois de uma Mastectomia, assim como os edemas Pós-Traumaticos, como os que aparecem quando se faz uma fratura óssea; mas também é eficaz em formas de edemas ainda menos visíveis, como os que podem dar origem a dores de cabeça e a dores da coluna vertebral. A Drenagem Linfática Manual segundo Vodder, estimula o processo imunológico, ao aumentar, na zona cortical dos gânglios linfáticos, a produção de linfócitos.
      no responses
    • 05/01/11 Outros

      Shantala

                       A Shantala é uma massagem milenar do sul da Índia que é passada oralmente de mãe para filha. Lá são só as mulheres que fazem a massagem nos bebês, por uma razão exclusivamente cultural. Utilizada para o equilíbrio físico, emocional e energético do bebê, aliviando cólicas, regulando o sono e estreitando os laços com a mãe e com o pai. 
                       No início da década de 70 o Doutor Frédérick Leboyer, um obstetra francês, em uma de suas viagens à India conheceu uma mãe indiana chamada Shantala. Este encontro se deu em Calcutá. Leboyer impressionava-se com Calcutá, “lugar de miséria, para não dizer de horror, onde se amontoa, sem ordem, perseguida pela guerra, desmedida população atraída pelo brilho ilusório da cidade …”. Shantala, há alguns anos paralítica, fora recolhida por uma instituição de caridade juntamente com seus dois filhos e foi neste local que Leboyer a conheceu. “Foi lá que, numa bela manhã, ensolarada, resplandescente, encontrei Shantala sentada no chão a massagear o bebê. E assim, de repente, em plena sordidez, foi-me dado contemplar um espetáculo da mais pura beleza! Fiquei mudo. Parecia um balé, devido a tanta harmonia e ritmo exato, embora com extrema lentidão. 
                       E, como o amor, possuia seu tanto de abandono e ternura.” Leboyer percebeu que na Índia, apesar da pobreza, as crianças tinham bom tônus muscular e eram alegres. Foi pesquisar e conheceu Shantala, nas ruas pobres de Calcutá. A mulher estava com o filho no colo e massageava a criança com naturalidade. 
                      Leboyer descobriu que aquilo era uma tarefa diária das mães indianas, gostou do que viu e resolveu levar para a Europa o que havia aprendido. Leboyer encantou-se com Shantala e com a massagem que presenciou, trazendo para o ocidente esta sua experiência ao publicar “Shantala – uma arte tradicional – massagem para bebês”, em 1976 pela Edition du Seuil, todo ilustrado com detalhes fazendo toda a seqüência da Shantala. Estudos posteriores comprovaram as inúmeras contribuições que a massagem tem para o desenvolvimento da criança mesmo depois que ela pára de recebê-la, ficando, como no caso da amamentação, uma base sólida para o crescimento posterior. Ganho de peso, tranqüilidade, desenvolvimento motor, aumento da imunidade são algumas das aquisições que a Shantala pode oferecer. A Shantala pode ser feita em crianças de até 9 anos. Pode ser feita durante a gestação ou quando o bebê nascer. Pode ser praticada a partir de um mês de vida do bebê.
      no responses
    • 13/12/10 Outros

      Nossa missão

      Levar o aconchego do abraço materno através de massagens em gestantes, promovendo acolhimento, relaxamento e os benefícios da drenagem linfática. Aliviando dores musculares e tensões provenientes do pós parto e ensinando aos pais a Shantala, estreitando os laços afetivos e oferecendo o melhor alimento ao bebê, O AMOR.
      no responses
    Pesquisa
    Calendário
    novembro 2018
    S T Q Q S S D
    « set    
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    2627282930  
    1 18 19 20 21